Terror preocupante.

29/04/2013 06:33

É preocupante o estado de apreensão dos jornalistas do Vale do Aço, aterrorizados por pseudos-policiais que se sentem incomodados com a notícia sobre prisões de colegas por envolvimento na morte do jornalista Rodrigo Neto, executado a tiro quando investigava a participação de policiais civis e militares com grupos de exterminio na região. O deputado Durval Ângelo, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa de MG e o corregedor-geral da Polícia Civil, delegado Renato Patricio Teixeira, revelaram a esse site que as investigações avançam com celeridade e a prisão dos criminosos deste e de dezenas de outras execuções "é uma questão de tempo". Quem leu meu livro Distrito Zero (Maza Edições: 2000), que narra a execução do jornalista do Correio Braziliense, Mário Eugênio, em 1984 (Brasília), sabe como agem esses bandidos de distintivos.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!